Vendo o mundo de balão.

15 de junho, 2015
balões-capadócia

1. Capadócia (Turquia)
A região é conhecida por suas formações calcárias que deram origem a pontas e picos extravagantes, numa impressionante combinação de cores. O lugar é um dos mais procurados por quem curte balonismo e os roteiros geralmente incluem sobrevoo pelo Parque Nacional de Göreme, declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

2. Luxor (Egito)

O passeio começa bem cedo, antes mesmo de o sol nascer. Os primeiros raios de luz iluminam a cidade, as montanhas que a emolduram e o templo Hatshepsut, na porção oeste da região. Conforme o vento sopra, é possível ver o Templo de Karnak, campos de cultivo e o Rio Nilo. Todo o percurso dura, em média, 45 minutos.

3. Ístria ( Croácia)

A região corresponde à fronteira da Croácia com a Eslovênia e a Itália. À medida que se aproxima do Mar Adriático, o balão possibilita contemplar vinhedos, bosques verdes abrindo-se em olivais e casas que misturam o estilo mediterrâneo com a arquitetura russa. Sobrevoar as cidades medievais de Motovun, Buje e Brtonigla é um dos pontos altos.

4. Vale do Loire ( França)

Na primavera e no verão, os balões deixam a paisagem ao longo do rio Loire, ainda mais bucólica e romântica. Vistos do alto, os castelos da região, como os de Cheverny e Chambord, ficam especialmente encantadores. No inverno, é preciso sorte com o clima para fazer o passeio.

5. Albuquerque ( Estados Unidos)

A cidade, conhecida com set de filmagens e cenário da premiada série de TV Breaking Bad, realiza todo mês de outubro a International Ballon Fiesta, o maior e mais fotografado festival do gênero no mundo. O evento reúne balões de todos os formatos e tem uma programação musical paralela.